Pesquisa QC

Pesquisa personalizada

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Tábua de carne e utensílios de madeira




Estudos demonstraram que os microrganismos se fixam na superfície da madeira, principalmente nas ranhuras e é muito difícil retirá-los no enxágüe. Uma vez fixadas, as bactérias sobrevivem ali, em uma fase dormente, por longos períodos de tempo. Quando a tábua de madeira ou utensílio (colher de pau, por exemplo) for novamente usada, essas bactérias podem contaminar outros alimentos, causando potencialmente doenças veiculadas por alimentos. Por isso, se a sua tábua de carne é feita de madeira, livre-se dela. Prefira as de polietileno ou de vidro, que além de mais higiênicas são fáceis de limpar. Os microrganismos presentes em tábuas plásticas são eliminados pela lavagem. Não use palha de aço ou produtos abrasivos. Use uma mistura de água, detergente e álcool e periodicamente coloque-as em solução clorada. Quando estiver gasta troque por uma nova. O ideal é utilizar uma para cada tipo de alimento, sendo uma para carnes, um para hortaliças e uma para legumes. Nas cozinhas mais elaboradas já encontramos três cores de tábuas distintas para facilitar a identificação. Mas para quem não pretende seguir esta regra, tenha ao menos duas unidades, uma para carnes e outra para os outros alimentos.



2 comentários:

Klaus disse...

Questão de conciência.

Adquirir lucidez leva qualquer ser humano a procurar causar menos sofrimento e mortes possível à outros seres com quem ele coexiste.

A sugestão deveria ser de por fora o costume de comer outros indivíduos sensíveis simplesmente por prazer.

O caminho é aos poucos ir se tornando vegano e depois procurar só concumir vegetais orgânicos.

Ainda estamos longe de nos importarmos com plantas e insetos mas é necessário irmos aumentando nossa conciência de que a Terra é a casa de todos seres e não só dos seres humanos.

É tranquilo ser mais saudável sendo vegano do que carnívoro e o planeta e seus habitantes agradece.

O primeiro passo é respeitar os seres que tem exatamente os mesmos sentimentos que a gente. Poutz, excravizar porcos, vacas, galinhas, é ridículo!!!!!

QC disse...

Concordo com você Klaus. Já pensei em postar sobre comer carne; será uma das minhas futuras publicações.

Enquanto existirem carnívoros ou mesmo pessoas que utilizam a "tábua" para outras finalidades,vale a minha dica...